quarta-feira, 6 de julho de 2011

AGENTE RICARDO INICIOU TROCA DE TIROS COM OS BANDIDOS



Comissário Ricardo
  Pontualmente às 3 horas da madrugada aconteceu a primeira explosão que acordou o comissário Ricardo quando dormia na delegacia, e enquanto se dirigia ao telefone para comunicar aos policias militares na cadeia local e na roubos e furto, outras duas explosões aconteceram, e reforçaram ainda mais  a intuição do experiente policial que logo deduziu tratar-se do fato acontecido, devido a estatísticas apresentadas pela própria Secretaria de Defesa Social, que vem desenvolvendo um trabalho específico no combate a esta prática criminosa, fazendo crer que os meliantes integrantes destas quadrilhas organizadas, encontram mais facilidade em não terem que superar portas detectoras de metal, seguranças particulares ou policias que montam pontos estratégicos durante o dia em frente a agências bancárias.

Já quando caminhava em direção a agência do Banco do Brasil, localizada a mais ou menos duzentos metros da Delegacia, uma quarta explosão aconteceu, levando o policial a mudar o roteiro e montar uma espera na Avenida José Lopes, esquina com a rua Dr. Petrônio Barbosa chegando a se abrigar por trás de uma caixa de telefonia e abrir fogo com o gol que passou em altíssima velocidade, onde conseguiu atingir os pneus do veículo. Em seguida, a viatura da PM chegou e pegou Ricardo saindo em perseguição, culminando com o abandono do carro ao lado esquerdo da PE 145 onde houve uma rápida troca de tiros com os meliantes que adentraram na caatinga. O veículo apresenta perfurações de bala no para brisa do lado esquerdo e no para choque na altura do farol esquerdo além dos dois pneus do mesmo lado que foram atingidos por balas do policial Ricardo.
A crescente onda de explosões de caixas eletrônicos no País inteiro chegou também na pacata Jataúba. Esta foi uma madrugada atípica para os moradores da terra da beterraba e renascença, que acordou com os sons dos estrondos provocados pelas explosões.

Os bandidos em número de três ou quatro,  não levaram nenhuma quantia da agência bancária, pois as explosões não conseguiram destruir totalmente um dos caixas mais atingidos, o outro sofreu poucas avarias.

Uma equipe do Instituto de Criminalística da SDS esteve periciando o local das explosões e também o veículo gol de cor prata, placas FRIAS, PES 3705 Recife, placa esta pertencente a um FIAT, e o veículo gol que é locado ao Governo do Estado e estava sob a responsabilidade de um investigador da polícia civil na capital Pernambucana. O referido veículo foi tomado de assalto no Recife.


Geraldo Silva com explosivos deixados
 
Confirmada a prisão de um dos elementos que ainda está em uma viatura com policias da delegacia de roubos e furtos que fazem diligências para prender o restante do bando.

Pontualmente ao meio dia, chegou uma equipe do GATI e outra da ROCAM sob o comando do Major PM João Bosco, comandante da terceira CIPM (COMPANHIA iNDEPENDENTE DE POLÍCIA) localizada em Santa Cruz do Capibaribe, que se dirigiriu a região de passagem do tó onde os meliantes foram vistos a pouco tempo atrás.


0 comentários: